Geração compartilhada de Energia Solar: solução para casa, empresa e propriedade rural

A ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica), por meio da Resolução Normativa REN 687/15, regulariza a modalidade conhecida como “Autoconsumo Remoto”, que permite ao gerador de energia usufruir dos créditos em outra unidade consumidora de sua propriedade.

 

Dessa forma, é possível implantar um projeto de geração de energia solar em um local e fazer a transferência dos créditos excedentes entre propriedades onde a conta de luz esteja sob o mesmo CPF/CNPJ ou CPFs/CNPJs diferentes, desde que firmado em contrato. Esse mecanismo de transferência de créditos de energia representa uma opção para reduzir o consumo, por exemplo, na residência e na empresa.

 

Outra possibilidade, denominada “Geração Compartilhada”, é desenvolver um projeto em conjunto por meio de cooperativas e consórcios de pessoas ou empresas, sendo possível juntar um grupo de empresas ou amigos para construir um gerador de energia solar maior e dividir esta produção de energia.

 

Além de todo processo de formalização da solicitação e da necessidade do parecer de acesso junto à distribuidora de sua região, é necessário observar que os sistemas de “Geração Compartilhada” e de “Autoconsumo Remoto” devem considerar a participação de consumidores da mesma área de concessão ou permissão da empresa responsável pela distribuição de energia.

 

Para o caso de “Autoconsumo Remoto” e “Geração Compartilhada”, a energia excedente é a diferença positiva entre a energia injetada na rede e a energia consumida.  Assim, o titular da unidade consumidora com micro ou minigeração distribuída deve informar à distribuidora o percentual da energia excedente a ser alocada entre as demais unidades consumidoras caracterizadas como “autoconsumo remoto” ou “geração compartilhada”.

 

A EcoPower conta com projetos de sucesso instalados em todas as regiões do Brasil, que atendem às necessidades de usuários residenciais, industriais, rurais e comerciais. A solução representa um comprometimento com a sustentabilidade e preservação ambiental, além de uma ótima opção para a redução nos gastos e melhoria na realidade financeira.

 

Por meio desse investimento, que retorna em um breve espaço de tempo por meio da economia nas despesas com energia elétrica, os projetos em conjunto representam um grande benefício e uma garantia de rentabilidade.

 

Deixe Seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *